Bixiga, Território Cultural

O bairro do Bixiga, formalmente, não existe: trata-se de uma região da cidade de São Paulo marcada pela sobreposição de narrativas, vozes, intervenções, presenças e ausências. Lugar de múltiplas manifestações culturais, heranças e conflitos, o Bixiga apresenta na prática cotidiana fronteiras fluídas, caracterizações variadas, marcas de memória fragmentadas, constantemente alimentadas por novos estímulos e novas práticas sociais. Em 2002 o bairro foi alvo de uma resolução municipal de tombamento que reduziu essa realidade complexa a um amontado de imóveis tombados isoladamente. Em face de recentes e polêmicas propostas de intervenção em alguns destes bens isolados, cabe lançarmos um olhar mais pausado e reflexivo sobre os limites e potencialidades das ações patrimoniais e de preservação.