fbpx

Sala Paschoal Carlos Magno

| 22 de janeiro a 20 de fevereiro

W POLSCE, CZYLI GDZIE? (NA POLÔNIA, ISSO É ONDE?)

Quarta e quinta-feira, às 20h

R$30,00 (inteira)
R$15,00 (meia-entrada)

O que perguntaríamos a Tadeusz Kantor hoje? Ou, se vivesse no Brasil, que obras faria Kantor? A impossibilidade de responder a estas perguntas motiva toda a criação do OPOVOEMPÉ. Realizado especialmente para compor a programação paralela da exposição Máquina Tadeusz Kantor (Sesc Consolação – 2015), o trabalho é uma peça-conferência em tom irônico, cuja dramaturgia reúne depoimentos pessoais de uma viagem à Polônia, citações e elementos das obras de Kantor e citações do próprio trabalho do OPOVOEMPÉ. O trabalho busca estabelecer pontes entre a Polônia pós-Holocausto, que motivou a obra de Kantor, e a herança histórica do Brasil. O que a Polônia de Kantor tem a alimentar nos questionamentos do teatro que fazemos hoje? O Brasil fica onde? É um trabalho que discute a intolerância, a morte, o fazer artístico, o papel da arte e o momento histórico que vivemos atualmente.

Concepção, Direção artística e Dramaturgia: Cristiane Zuan Esteves. Atrizes criadoras: Ana Luiza Leão, Manuela Afonso, Paula Possani.

Atriz criadora convidada: Andrea Tedesco.

Trilha sonora: Pedro Semeghini.

Design de Luz: Grissel Piguillem

Produção Executiva: Anayan Moretto

Fotos: Felipe S Cohen

Crédito da foto: Felipe S Cohen