Sala Paschoal Carlos Magno

Teatro | 15 de fevereiro a 02 de março

Osmo

Quartas e Quintas às 20h | 70 minR$ 20,00 e R$ 10,00
Compre aqui
ou pelos telefones: 11 4003-1212
ou compareça a bilheteria do Teatro

Este projeto foi contemplado pela 4a Edição do Prêmio Zé Renato de Teatro para a Cidade de São Paulo

Um serial killer com pretensões literárias está mergulhado na difícil e intrincada tarefa de contar sua história, quando é interrompido pelo telefonema de uma amiga que o convida para dançar. Esse é o ponto de partida do espetáculo que teve seus primeiros acordes no projeto Contos Brasileiros, realizado pelo SESC Pompéia, em 2010, que consistia em leituras de contos de autores brasileiros para estudantes de escolas públicas de São Paulo. Estreou em março de 2014, no SESC Belenzinho dentro do projeto “E se eu ficasse Eterna?”, em homenagem aos dez anos da morte de Hilda Hilst.

Texto – Hilda HilstDireção, adaptação, figurinos e trilha sonora – Susan DamascenoConcepção, adaptação, cenografia e interpretação – Donizeti MazonasParticipação especial – Érica KnappIluminação – Hernandes de OliveiraFotos – Keiny AndradeProdução - MoviCena Produções ArtísticasAssessoria de Imprensa: Morente Forte Realização – Núcleo Entretanto, da Cooperativa Paulista de Teatro Crédito da foto:Keiny Andrade