fbpx

Sala Sérgio Cardoso

Teatro | 23 e 24 de agosto 2018

F.A.L.A. | Fragmentos Autônomos sobre Liberdades Afetivas

Coletivo Negro
Quinta e sexta às 21h | Duração: 75 minutos | Sala Sérgio Cardoso | Entrada gratuita - Retirada de ingressos com uma hora de antecedência sujeita a lotação da sala

Programação especial da Virada Sustentável 2018

 

F.A.L.A – Fragmentos Autônomos sobre Liberdades Afetivas é resultado de um processo que foi idealizado e concebido pelo ator e diretor Flávio Rodrigues, cofundador do Coletivo Negro, com o intuito de abordar o afeto a partir das trajetórias de corpos negros LGBTQI+.

Tendo como premissa tal interseccionalidade e a necessidade da busca de outras formas de comunicação para além do texto falado, o espetáculo propõe uma experiência baseada na gestualidade, e os textos dxs dramaturgxs Luh Maza (Mamãe), Paloma Franca Amorim (Travessia) e Rudinei Borges (Armário), serviram como disparadores para a construção dramatúrgica de F.A.L.A.

O Coletivo Negro, formado por artistas negrxs da Escola Livre de Teatro de Santo André e da Escola de Arte Dramática da USP, é fruto direto do ressurgimento do teatro de grupo paulistano pós Movimento Arte Contra a Barbárie. Nossos dez anos de existência foram marcados profundamente por esta luta. Somos constituintes de um grupo de artistas que não abre mão da pesquisa cênico-poética-racial, mais especificamente do estudo da arte teatral e sua relação histórica com as vertentes da cultura negra brasileira.